Produção Editorial – Bacharelado

Guia do estudante:
Reconhecido pelo MEC
Confira as portarias
Autorização/Criação
  • Parecer CFE nº 37, de 12 de janeiro de 1972
Reconhecimento
  • Decreto Lei nº 74.384, publicada no DOU de 09 de agosto de 1974
Renovação de Reconhecimento
  • Portaria nº 521, publicada no DOU de 15 de outubro de 2013.

Sobre o curso

Modalidade
Presencial
Tipo de Curso
Bacharelado
Duração
8 semestres

Horário e Mensalidade

Escolha a localização e o período para visualizar

Por que na Anhembi

Formação de alto nível

Nota máxima no ENADE (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes), o curso de Produção Editorial com ênfase em Multimeios foi estruturado para oferecer a você uma formação completa, com foco nas principais atividades da produção editorial e em segmentos de mercado emergentes, como o Terceiro Setor e Educação a Distância. Por isso, foi indicado como um dos melhores cursos do País, avaliado com 4 estrelas no Guia do Estudante Abril 2014.

Incentivo à percepção crítica

Aqui, você será estimulado a ter uma percepção crítica e a desenvolver o pensamento estratégico, visando uma formação voltada ao empreendedorismo. Desde o primeiro semestre, você terá uma visão ampla e diversificada da profissão, por meio de projetos integrados, atrelados às diversas mídias e em diferentes níveis de complexidade.


Infraestrutura de nível Internacional

Desde o início do curso, você será envolvido em atividades práticas, nas mais diversas áreas. Para potencializar seu aprendizado, contará com o apoio de uma infraestrutura de ponta, com mais de 1.000 m² de área total de estúdios para produções audiovisuais. As instalações são totalmente equipadas para a prática de atividades em rádio, televisão, cinema, jornalismo, publicidade e propaganda, produção editorial e relações públicas, atendendo às altas exigências do mercado de comunicação e multimídia. Além disso, você conta com uma biblioteca com amplo acervo de áudio, vídeo, filmes e periódicos, entre outros.

Corpo Docente Qualificado

Você terá aulas com os melhores professores do País, a maioria deles mestres e doutores, formados por universidades renomadas do Brasil e do exterior. A maioria também atua no mercado editorial, ocupando cargos de liderança em grandes editoras, escritórios de edição de textos e imagens, programação e serviços gráficos, além de empresas de comunicação do País, o que garante a qualidade do ensino teórico e prático. Além disso, muitos possuem experiência internacional como executivos, docentes ou pesquisadores.


Carreira

O que lhe reserva a carreira de Produção Editorial

A migração de conteúdos off-line para mídias digitais tem gerado mais vagas de trabalho para o produtor editorial, tornando o mercado de trabalho promissor. Isso se deve à necessidade de interatividade com o conteúdo que o mercado exige cada vez mais. A participação deste profissional durante a produção de materiais vindos de mostras de cinemas, festivais de teatro, música e exposições culturais são exemplos de um novo nicho que também desponta no mercado para o produtor editorial.

Ao final do curso, você estará apto a:

Criar, planejar e elaborar produtos editoriais gráficos, audiovisuais e virtuais; Planejar estratégias de marketing editorial e a comercialização de produtos editoriais; Ter visão de negócios e ser capaz de identificar oportunidades, empreender projetos e administrar custos de produção; Dominar as estruturas de linguagens aplicáveis a obras literárias, científicas, instrumentais, culturais e de divulgação; Conhecer as linguagens visuais e das histórias dos produtos editoriais, das artes e culturas; Atender à demanda dos produtos customizados (sob medida); Ter capacidade de leitura crítica de sua própria produção e consciência de seu papel como agente de mediação cultural.

Grade curricular

COMUNICAÇÃO (EAD)
FILOSOFIA E ÉTICA
CONVERGÊNCIA DE MÍDIAS
HISTÓRIA SOCIAL DO LIVRO E DA LEITURA
PROJETO EM PRODUÇÃO EDITORIAL: MÍDIA IMPRESSA
METODOLOGIA CIENTÍFICA (EAD)
ARTE, CULTURA E ESTÉTICA
SOCIOLOGIA
ESTUDOS DE LINGUAGEM – REDAÇÃO
PROJETO PRODUÇÃO EDITORIAL EM MÍDIA AUDIOVISUAL
ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA (EAD)
TEORIAS DA COMUNICAÇÃO
CULTURA IMPRESSA: ARTE E DESIGN
FUNDAMENTOS DE MARKETING
PROJETO EM PRODUÇÃO EDITORIAL: MÍDIAS DIGITAIS
Desenvolvimento Humano e Social (EAD)
LIVRO E MERCADO EDITORIAL NO BRASIL
CRIAÇÃO E PRODUÇÃO IMPRESSA: DESIGN GRÁFICO E DIGITAL
PROJETO PRODUÇÃO EDITORIAL PARA 3º SETOR
DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS (EAD)
PLANEJAMENTO E GESTÃO EDITORIAL
PROJETO EM PRODUÇÃO EDITORIAL: HIPERMÍDIA
OPTATIVA – TRILHA 1
CRIAÇÃO E PRODUÇÃO HIPERMIDIA – DESIGN DE WEB E NAVEGAÇÃO
FOTOGRAFIA
OPTATIVA – TRILHA 2
OPTATIVA (INCLUI LIBRAS)
TÓPICOS AVANÇADOS DE PRODUÇÃO EDITORIAL IMPRESSA
PESQUISA E PROJETO TRANSDISCIPLINAR
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO
ESTÁGIO SUPERVISIONADO
ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Sobre a coordenação e corpo docente

Clique aqui e confira o corpo docente

  • Fale com a coordenação

    Prof Nivaldo Ferraz

    Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais da ECA-USP. Mestre formado pela ECA-USP. Jornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo. Professor de Reportagem e Documentário no Rádio, Linguagem Sonora e Projeto Experimental em Jornalismo. Editor de reportagens de alunos da Universidade Anhembi Morumbi para o segmento Universidade no Ar, da Rádio CBN – São Paulo. Repórter, diretor de programas, apresentador, redator e editor nas emissoras Rádio Cultura de São Paulo AM e FM, Rádio USP-FM e Rádio Gazeta de São Paulo AM e FM (anos 90 e 2000). Redator e intérprete de programas humorísticos, dramáticos e de suspense em projetos de rádio para a Rádio USP-FM e Lintas Publicidade (Anos 80).

Disponível nos seguintes câmpus

  • Vila Olímpia

    Rua Casa do Ator, 275 - Vila Olímpia
    CEP: 04546-001 - São Paulo - SP

Sobre o intercâmbio

Sua viagem pelo conhecimento começa agora

A Anhembi Morumbi faz parte de uma rede internacional de universidades: a Laureate International Universities. Com mais de 80 instituições inovadoras ao redor do mundo, a Rede Laureate provê, a mais de 1 milhão de alunos, acesso a um ensino de qualidade por meio de cursos de graduação e pós-graduação presenciais, semipresenciais e on-line.

Confira os programas e destinos disponíveis:

Semestral

Instituição País Investimento Idioma Detalhes Documento

Universidad Andrés Bello (UNAB)

Fundada em 1989, Universidad Andrés Bello (UNAB) é conhecida por seu rigor acadêmico e excelência em pesquisa. Mais de 47 mil alunos estão matriculados nos campi da em Santiago, Viña del Mar e Concepción. A UNAB é considerada a melhor universidade privada do Chile e mantém posição de destaque nos rankings internacionais, como o QS Stars, que a classificou como uma das 10 melhores instiuições de ensino superior da América Latina.

Chile Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad Tecnológica Centroamericana (UNITEC)

Fundada em 1987, a Universidad Tecnológica Centroamericana (UNITEC) promove o espírito empreendedor de seus mais de 20.000 alunos. A instituição opera três campi em Tegucigalpa e um em San Pedro de Sula. A UNITEC se destaca como a universidade privada de maior prestígio em Honduras, de acordo ranking do Unimer Research International.

Honduras Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad de Las Américas - Chile (UDLA)

A Universidad de Las Américas (UDLA), fundada em 1988, é pioneira na ampliação do acesso ao ensino superior no Chile. Com mais de 30.000 alunos, UDLA é a segunda maior universidade do país, com operação em Santiago, Concepción e Viña del Mar.

Chile Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad Peruana de Ciencias Aplicadas (UPC)

Mais de 38.000 alunos estão matriculados nos três campi da Universidad Peruana de Ciencias Aplicadas (UPC), em Lima. Fundada em 1994, a UPC está classificada entre as melhores instituições privadas de ensino superior no Peru.

Peru Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Exigido atestado de intercâmbio - emitido pela UAM. Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad Latina de Costa Rica (Ulatina)

A Universidad Latina, fundada em 1979, e a Universidad Interamericana de Costa Rica, fundada em 1986, juntaram-se em 2010 para se tornar a Universidad Latina de Costa Rica (ULATINA), uma instituição que combina os pontos fortes e as especialidades de suas antecessoras. A ULATINA é a maior universidade privada da Costa Rica, de acordo com o Estado de la Educación en Costa Rica, com mais de 35.400 estudantes matriculados.

Costa Rica Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad Privada del Norte (UPN)

Mais de 30.000 alunos estão matriculados nos campi Universidad Privada del Norte (UPN) em Trujillo, Cajamarca e Lima. A instituição, fundada em 1994, busca desenvolver nos alunos as habilidades que o mercado de trabalho exige para que se tornem profissionais qualificados e bem sucedidos.

Peru Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Exigido atestado de intercâmbio - emitido pela UAM. Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad de Las Américas - Equador (UDLA)

Fundada por um grupo de educadores e empresários em 1995, a Universidad de Las Américas (UDLA) hoje é a universidade privada Nº 1 do Equador, de acordo com o Conselho Equatoriano de Ensino Superior (CONESUP). A instituição oferece aos alunos as habilidades práticas e os treinamentos necessários para ingresso no mercado de trabalho. Com dois campi em Quito, a UDLA tem mais de 10.000 estudantes.

Equador Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Necessário visto de estudos. Apresentação

Universidad del Valle de México (UVM)

Fundada em 1960, Universidad del Valle de México (UVM) é uma das 10 melhores instituições de ensino superior do México. Com 125.000 alunos matriculados em 36 campi, espalhados por 18 estados, também é a maior universidade privada do país.

México Continua a pagar o mesmo valor de mensalidade (preço de edital/ sem bolsas e descontos) Espanhol Exigido o teste de proficiência de espanhol - nível mínimo B2. Exame não-oficial. Necessário visto de estudos para curso com duração superior a 6 meses. Apresentação

Saiba mais

Inscreva-se

consectetur commodo Nullam velit, Phasellus ut commodo Aenean nunc quis
Português (Brasil)
English Português (Brasil)