Engenharia Química

QUAL A SUA ESCOLHA?

ESCOLHA O SEU JEITO DE ESTUDAR

PRESENCIAL PRESENCIAL FLEX SEMIPRESENCIAL EAD

Sobre o curso

Modalidade
Presencial
Tipo de Curso
Bacharelado

O curso de Engenharia Química é um dos mais modernos e inovadores do País, caracterizado qualidade acadêmica. Possui duração de 5 anos com a habilitação de bacharelado. O curso possui como característica a formação de engenheiros com capazes de atender às mais diversas demandas profissionais, resolvendo problemas da área de forma analítica, criativa e com viés inovador. Resolvendo desafios globais Engenheiros químicos são necessários para desenvolver processos e produtos que abordem alguns dos problemas que a humanidade enfrenta. Isso inclui a transição energética dos combustíveis fósseis, a necessidade de alimentos e água sustentáveis à medida que o clima muda e o fornecimento de melhores cuidados de saúde.

A credibilidade e a qualidade do curso podem ser comprovadas pelo elevado número de aulas práticas, laboratórios equipados, professores do mais alto padrão, disciplinas voltadas para o mercado profissional. Aqui, o aluno será capacitado para atuar nas diversas áreas.

A arquitetura curricular que integra conteúdos pioneiros como instrumentação, controle do processo, fenômenos bioquímicos e simulação das variáveis de processo. A aproximação do mercado para os formandos é facilitada pela qualidade do curso e pelas parcerias com grandes empresas através das unidades curriculares duais que aproximam os discentes do mercado de trabalho. Você terá aulas com professores mestres e doutores, formados por universidades de ponta do Brasil e do exterior. Adicionalmente, o ecossistema de aprendizagem é planejado para a aplicação de metodologias ativas de ensino onde os alunos são o centro da escola. Essas metodologias permitem que os alunos desenvolvam as competências criando soluções para os desafios da área. Os estudantes que cursarem a Engenharia Química na Universidade Anhembi Morumbi terão a oportunidade de vivenciar um ambiente universitário com colaborações entre as outras seis engenharias em oferta no compus Vila Olímpia e os demais cursos e áreas correlatos como Farmácia, Biologia, Ciência dos Dados entre outros.

 

 

 


Carreira

Produzindo materiais valiosos os engenheiros químicos projetam e operam processos industriais que convertem matérias-primas em produtos químicos valiosos. O termo ‘produtos químicos’ inclui produtos petroquímicos tradicionais, materiais e produtos farmacêuticos, mas também inclui produtos de consumo, como detergentes, xampu e pasta de dente, porque são misturas de produtos químicos. Frequentemente os engenheiros químicos podem se envolver com tecnologia estabelecida, como tanques de agitação, colunas de destilação, trocadores de calor e colunas de cromatografia. Mas também atuam com novas tecnologias como reatores de membrana, fluidos supercríticos, solventes e manipulação genética de organismos. A sociedade quer produtos químicos sofisticados feitos por processos sustentáveis e, por isso, os engenheiros químicos são muito procurados. Há um interesse particular nos setores de meio ambiente, energia e saúde.

 

Infraestrutura

Os Laboratórios específicos são os pilares das aulas práticas. No Laboratório de Química o aluno tem a base conceitual e prática das reações químicas, além de desenvolve experimentos. Esse laboratório é equipado com vidrarias, reagentes, fornos, equipamentos de proteção individual (EPIs) e (equipamentos de proteção coletiva) EPCs necessários para o aprofundamento do repertório necessário aos engenheiros químicos. Os laboratórios específicos estão equipados com máquinas térmicas como trocadores de calor e fornos que são fundamentais para a compreensão dos fenômenos térmicos e suas aplicações. Nos Laboratórios de Física o aluno tem a base conceitual dos fenômenos físicos, incluindo estudos de equilíbrio estático, mecânica, óptica e termodinâmica. Nos laboratórios de informática constam softwares básicos e de simulações específicos ao curso de Engenharia Química. Além dos laboratórios as salas de aula contam com datashow fixo, internet, cadeiras confortáveis, ótima acústica, iluminação adequada para proporcionar o melhor ambiente para o aprendizado.

Sobre a coordenação e corpo docente

  • Coordenador do curso no campus Vila Olímpia:

    Prof. Guilherme Duarte de Barros

    Atua como coordenador de área de Engenharia & TI e Computação na Universidade Anhembi Morumbi, no campus Vila Olímpia. Doutor em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel, 2017). Mestre em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel, 2014). Engenheiro de Materiais formado na Universidade Federal de Pelotas (UFPel, 2016). Tecnólogo em Produção de Plásticos, pela Faculdade de Tecnologia da Zona Leste (FATEC-ZL, 2009). Atualmente é pós-doutorando e pesquisador do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). A pesquisa de é multidisciplinar, integrando tecnologias e inovações disruptivas - como a Visualização Científica, Computação 3D, Realidades Virtuais e Misturadas (AR / AV), Prototipagem Rápida e Computação Baseada na Internet - com a difusão e o desenvolvimento do conhecimento científico na área de materiais. Integra o Grupo de Visualização Científica em Materiais (GVCM). Foi bolsista de desenvolvimento tecnológico industrial do CNPq - Nível C. Trabalhando no projeto BIOUFPEL: Desenvolvimento de um cimento odontológico de alta biocompatibilidade. Ganhador do primeiro lugar no XV ENPOS, Encontro de Pós-graduação UFPel, pelo trabalho: Estudo do comportamento cinético e de tensão de contração de novos elastômeros quando submetidos a três diferentes sistemas de iniciação. Trabalhou três anos no departamento de Engenharia e Desenvolvimento da empresa Tecnoplast, como técnico de desenvolvimento. Participou do projeto de pesquisa (Síntese de fibras cerâmicos utilizando metodologia mista de precursores em soluções aquosa e evaporação de réplicas orgânicas) na graduação como bolsista do CNPq PIBIC. Experiência profissional na área de injeção e extrusão de termoplásticos, modelamento 3D, tratamento térmico de ligas metálicas para moldes de injeção, ferramentas de usinagem, metalurgia do pó e seleção de ligas metálicas de alumínio.
  • Fale com o coordenador:

    Prof. Paulo Rogério Nietto

    A coordenação do curso de Ciência da Computação é ocupada pelo Professor Paulo Rogério Nietto, graduação em Sistemas de Informação pela Faculdade Campo Limpo Paulista (2014) e mestrado em Ciência da Computação pela Faculdade Campo Limpo Paulista (2016), atual UniFaccamp. Possui experiência na área de testes funcionais de software, manutenção de computadores, desenvolvimento de software (.NET Java e Python) e aprendizado de máquina. Atuou principalmente nos seguintes temas: agrupamento, aprendizado de máquina, algoritmo DIANA, algoritmos e rede de sensores sem fio. É professor nos cursos de engenharia e tecnologia. Profissionalmente possui 5 anos atuando na área de Tecnologia de Informação e 5 anos na docência superior, sendo professor em tempo integral nos últimos 3 anos.

Disponível nos seguintes câmpus

  • , -
    CEP: - -

Português (Brasil)
English Português (Brasil)