Universidade forma a primeira turma no curso de extensão em TV, na Angola

0h00

No dia 24 de setembro de 2009, a Universidade Anhembi Morumbi formou 30 alunos no curso de aprimoramento profissional em TV, realizado em Luanda, na Angola.

Este foi o primeiro curso ministrado no exterior pela Universidade e os professores Valdir Baptista, mentor e coordenador do curso, e Luis Antonio Vilalta, coordenador dos Programas de Pós-graduação Lato Sensu, estiveram presentes na cerimônia de entrega dos certificados de conclusão.

 A turma comemora a conclusão do curso
A turma comemora a conclusão do curso

 

Ministrado para profissionais das áreas criativas da TPA (Televisão Pública de Angola) – uma das principais emissoras da África –, o curso teve como objetivo fortalecer as bases conceituais críticas dos participantes, abordando temas como teorias da comunicação e do uso da imagem, cultura de massa, filosofia, criatividade, tecnologia da televisão, além de promover o aperfeiçoamento técnico – teórico e prático – dos profissionais de TV.

O prof. Valdir Baptista conta que uma empresa de consultoria da Angola convidou a Anhembi Morumbi para participar de uma concorrência, a fim de oferecer este curso. “Eles procuraram a Universidade em função da excelente imagem do nosso curso de Rádio e TV no mercado”.

 Aluna exibe, orgulhosa, seu certificado de conclusão de curso 
Aluna exibe, orgulhosa, seu certificado de conclusão de curso 

 

Ele ressalta que Angola é um país que, recém-saído de 30 anos de guerra civil, possui poucas livrarias e bibliotecas. “Além disso, como não há cursos de Rádio e TV na Angola, esses profissionais aprenderam a trabalhar na prática e têm uma grande carência de base teórica e de repertório audiovisual, principais focos do nosso curso. Os alunos receberam com grande entusiasmo os conteúdos passados pelos professores e os assimilavam prontamente. Foi comentário geral a satisfação de lecionar para alunos tão interessados e um imenso prazer colaborar para o avanço cultural e profissional de Angola.”

Os três melhores alunos do curso foram contemplados para estagiar no Brasil, dentro da Universidade. O estágio prevê ainda visitas técnicas a emissoras de TV de São Paulo, bem como a participação nas aulas do curso de Rádio e TV.