Flávia Savoia Dias da Silva apresenta trabalho no II Simpósio Internacional de Psicopedagogia

0h00

Com o foco voltado à discussão do papel dos contos de fadas no decorrer da história da humanidade, a aluna da pós-graduação em Psicopedagogia Flávia Savoia Dias da Silva desenvolveu o trabalho de pesquisa “A contribuição dos sonhos e contos de fadas para a aprendizagem”, que foi apresentado durante o II Simpósio Internacional de Psicopedagogia promovido pela Associação Brasileira de Psicopedagogia.

Mencionando as concepções atuais do desenvolvimento infantil com implicações na área da psicanálise e da psicologia analítica, a aluna aborda os sonhos no contexto escolar, usando como exemplo um grupo de crianças de 3 a 6 anos de idade.

 A aluna de Pós-graduação Flávia Savoia no II Simpósio Internacional de Psicopedagogia
A aluna de Pós-graduação Flávia Savoia no II Simpósio Internacional de Psicopedagogia

“Sempre tive interesse pela área de sonhos, mas ao realizar uma pesquisa na faculdade de Pedagogia, não foi permitido que eu explorasse esse tema no ambiente escolar. Por esse motivo, pesquisei sobre contos de fadas”, explica a aluna que descobriu, durante as leituras, que as duas áreas poderiam se complementar. “Alguns poucos autores da área psicológica dissertaram sobre um dos temas fazendo referência ao outro e vice-versa”, completa.

Entre os aspectos relevantes de toda a pesquisa, a aluna acredita que dois pontos devem ser ressaltados. “O fato de eu ter me descoberto como pesquisadora, e também, a constatação da contribuição que uma professora pode oferecer aos seus alunos durante seu desenvolvimento social, afetivo e cognitivo, fazem com que o universo da pesquisa se torne algo mágico”, relata a pedagoga que, após as pesquisas realizadas, acredita que os sonhos sejam um ambiente para aprendizagem, desde que o educador os utilize para fins educativos e não meramente como um gênero literário, no caso dos contos de fadas, e nem utilize os sonhos como algo místico e fora da realidade do aluno.

II Simpósio Internacional de Psicopedagogia
“Ter o trabalho exposto no II Simpósio Internacional de Psicopedagogia foi uma experiência maravilhosa. Acredito que essas situações colaboram na constituição do meu currículo, mas principalmente, na minha vida profissional e pessoal”, declara Flávia. A aluna conta que essa apresentação é apenas o início de um ciclo de pesquisas, já que ela recebeu alguns convites para dissertar a respeito do tema em outras instituições. “Agora estou com mais três apresentações agendadas, sendo uma delas na Universidade Anhembi Morumbi, a pedido da coordenadora do curso de Psicopedagogia, Suely Trevisam”.

 Após sua apresentação, Flávia recebeu 3 convites de participantes do simpósio para dissertar a respeito do tema
Após sua apresentação, Flávia recebeu 3 convites de participantes do simpósio para dissertar a respeito do tema