Escola de Engenharia e Tecnologia se classifica na etapa nacional do SAE Brasil AeroDesign

9h46

Considerado como um dos principais laboratórios para o desenvolvimento técnico dos estudantes voltados à engenharia aeroespacial, a 17ª edição do SAE Brasil AeroDesign, realizada entre os dias 29 de outubro e 1º de novembro no Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), em São José dos Campos (SP), contou com a participação de uma equipe da Universidade Anhembi Morumbi, classificada pela primeira vez na competição.

A equipe Aeroduca, composta por 15 estudantes dos cursos de Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção, Engenharia Elétrica e Aviação Civil que representaram a Universidade no evento, finalizou na 44ª colocação entre as 62 equipes que disputavam. Com a aeronave Skarlett, projetada e construída pelos estudantes, a equipe foi destaque nas provas de voo, obtendo o 4º lugar, e de descarga, em que conquistou o 5º lugar.

Segundo Tiago Giglio Rodrigues, orientador do grupo e docente do curso de Aviação Civil da Anhembi Morumbi, o resultado alcançado é uma enorme conquista. “A aeronave foi bastante elogiada pelos jurados e por estudantes de outras instituições, reconhecendo o esforço da equipe na preparação do projeto”, afirma.

O docente relata ainda que os fortes ventos que sopravam no local dificultaram a execução do voo da aeronave. “Não só a Aeroduca, como as demais equipes, tiveram problemas com o voo em razão dos ventos, mas a experiência adquirida foi um aprendizado e o voo em condições adversas será um dos requisitos do projeto de 2016, que já está em execução”, relata Tiago.

Parabéns à equipe pela conquista!

 

A aeronave Skarlett em seus últimos ajustes antes do voo na SAE Brasil AeroDesign 2015