Curta-metragem é premiado no Festival Anim!Arte

0h00

Dirigido pelos alunos Thiago Trevisan e Anna Brandão o curta-metragem “Olavo, o motorneiro pé-quente” foi premiado no Festival Anim!Arte, na categoria Júri Popular Universitários.

A produção utiliza a técnica de stopmotion para mostrar as desventuras de um motorista de bonde na cidade de São Paulo na década de 50.

 Cena de Olavo, o Motorneiro Pé-quente
Cena de Olavo, o Motorneiro Pé-quente

O grupo entrevistou Sr. Olavo, um dos últimos motorneiros vivos da década de 50, dentro de um bonde no Museu do Transporte Público, em São Paulo.

Durante a entrevista, Sr. Olavo contou como era trabalhar na CMTC, como era a sociedade nos tempos do bonde e que apesar das dificuldades de ser um motorista (e cobrador) de bonde, faria tudo de novo. O curta também foi convidado a participar do festival europeu de internet, Bang-Awards.