Conheça os importantes avanços nos índices na CPA 2020

14h57

Os primeiros índices da CPA 2020 já começam a ser divulgados e a Universidade Anhembi Morumbi comemora melhorias significativas em alguns indicadores considerados essenciais que envolvem docentes e discentes.

Neste ano, mesmo com tantos desafios a serem superados, a comunidade acadêmica participou ativamente da pesquisa, contribuindo diretamente para a melhoria contínua das Instituições, o que possibilita construir uma universidade ainda melhor e mais alinhada às necessidades dos alunos e professores.

A pesquisa, aplicada em dois momentos, aponta que as ações realizadas melhoraram a experiência de docentes e discentes em um curto período de tempo. O relatório com todos os resultados será divulgado em breve.

Entre os índices já mensurados, podemos destacar:

Satisfação Docente
O índice de satisfação geral foi de 75% um aumento de 10% se comparado ao período anterior. Entre os docentes, 59% estão satisfeitos com a interação professor-aluno durante as aulas, o que representa uma elevação de 10% em relação à última pesquisa. Já, 90% dos docentes se dizem satisfeitos com o suporte recebido da coordenação do curso em que atuam, um aumento de 2% em relação ao período anterior.

Satisfação Discente
O índice de satisfação geral foi de 67% um aumento de 12% se comparado ao período anterior. Entre os discentes, 63% aprovam a qualidade do encontro remoto e 62% se dizem satisfeitos com o suporte recebido da Instituição neste momento, representando um aumento de 11% em relação ao período anterior.

Comissão Própria de Avaliação – CPA
A CPA é responsável por promover e coordenar as avaliações internas da Instituição, entre elas, a Avaliação Institucional e ainda outras pesquisas, com o objetivo de conhecer as necessidades de nossa comunidade acadêmica e promover melhorias que contribuam para a experiência de alunos, acadêmicos e colaboradores. Além disso, a Comissão também é responsável por acompanhar as avaliações externas, como o ENADE e as avaliações de cursos pelo Ministério da Educação (MEC).