Chef Rodrigo Oliveira, do Mocotó, ministra palestra na Universidade Anhembi Morumbi

10h25

O chef Rodrigo Oliveira ministrou palestra para os alunos da Universidade Anhembi Morumbi. Com o tema “Mocotó: o pai, o filho e o restaurante”, ele compartilhou sua experiência de mais de 10 anos à frente do Mocotó.

Formado em Gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi, Oliveira é responsável por transformar a antiga e tradicional Casa do Norte fundada por seu pai, o pernambucano José de Almeida, em 1973, em um dos mais aclamados restaurantes brasileiros. Segundo ele, o patriarca da família Oliveira era um homem conservador e não gostava de mudanças. Depois de algumas discussões, Rodrigo esperou que seu pai viajasse para realizar a primeira reforma da casa, às escondidas. “Ao invés de tentar convencê-lo – algo praticamente impossível – eu fazia e deixava para levar bronca de uma só vez”, conta. “Certa vez comprei um forno de R$ 15 mil. Quando ele voltou de viagem, perguntou quanto eu gastei. Eu disse que tinha custado R$ 3 mil. Ele ficou enfurecido. Então eu disse: Pai, na verdade, são cinco parcelas de R$ 3 mil”.

Rodrigo Oliveira, do Mocotó, falou sobre as responsabilidades de um chef de cozinha

O chef falou também sobre a importância de utilizar ingredientes frescos e saudáveis no preparo dos pratos. “Hoje estamos cada vez mais obesos e doentes por conta dos alimentos industrializados. Por isso, eu defendo que devemos dispensar comidas feitas com produtos que não estejam disponíveis na natureza e, principalmente, aqueles que não sabemos ao menos pronunciar o nome”.

Heloisa Rodrigues, coordenadora do curso de Gastronomia, recebeu o chef Rodrigo Oliveira no Câmpus Vila Olímpia

Para finalizar, Rodrigo salientou que a habilidade principal de um chef de cozinha é atender bem as pessoas, desde os clientes à sua equipe. Sobre a fama, ele é categórico: “Lugar de chef é na cozinha, por isso, não aceito todos os convites que recebo. Do contrário, nunca mais pisaria lá”.