Anhembi Morumbi conquista 154 estrelas do Guia do Estudante 2017

15h49

A Universidade Anhembi Morumbi mais uma vez se destaca entre as melhores universidades do Brasil com a conquista de 154 estrelas na avaliação do Guia do Estudante 2017, alcançando 10 estrelas a mais em relação ao período anterior. A avaliação, realizada pela Editora Abril, tem como objetivo identificar e valorizar as melhores instituições de ensino superior do Brasil.

Todos os 42 cursos de graduação avaliados nas áreas de exatas, humanas e biológicas foram contemplados. Destes, o curso de Estética foi avaliado com o reconhecimento máximo de 5 estrelas pelo terceiro ano consecutivo. Ficaram com 4 estrelas 26 cursos e, com 3 estrelas, 15 cursos.

Para o reitor da Universidade Anhembi Morumbi, Prof. Paolo Tommasini, o desempenho destaca o árduo trabalho de todos da Instituição em propagar um ensino inovador e da mais alta qualidade. “Vivemos em um mundo que está em constante mudança e a educação é fundamental para acompanhar esse processo. É uma imensa satisfação saber que todos os cursos avaliados nesta edição do Guia do Estudante foram estrelados”, destaca.

A premiação reforça a qualidade acadêmica dos cursos da Anhembi Morumbi que, desde 2005, participa da avaliação do Guia do Estudante, conhecido como a maior publicação do Brasil para a orientação do vestibulando.

Conheça abaixo a relação completa dos cursos estrelados:

Além da excelente atuação no Guia do Estudante, a Anhembi Morumbi também obteve uma excelente performance no último ciclo de avaliações promovido pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), realizado em 2016 e divulgado em 1º de setembro de 2017. O Conceito Enade avalia o desempenho dos estudantes a partir dos resultados obtidos na avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

Nesse ciclo foram avaliados os programas de Saúde, tendo destaque os cursos de Educação Física, Farmácia e Nutrição, que receberam nota 4, em um conceito de 1 a 5. Esse resultado reafirma o comprometimento da Universidade com a qualidade de ensino e o cumprimento rigoroso das exigências do órgão federal.